16/09/2011

Momento Cultural Maternal II Turma 1 e 1º e 2º Período Vespertino


No dia 14 de setembro aconteceu o 4º Momento Cultural do ano de 2011.
A primeira turma a se apresentar  foi a turma do Maternal II turma 1 que dançou e cantou a música dos Pingüins (Xuxa), iniciaram a apresentação fazendo uma charada:
"O que é o que é? Que nada mas não é peixe, é ave, mas não voa, anda sobre dois pés, mas não é gente e adora um friozinho?"
As crianças não demoraram pra responder:   " Os pingüins"

Em seguida as crianças se apresentaram e dançaram com muita desenvoltura.


Após  a apresentação do Maternal veio o 2º Período que   apresentou a música “ Mais respeito a Natureza!”




... Mais respeito à Natureza, é essa a mania
Se tem verde, tem beleza, È ecologia

PLANTE...CUIDE, QUE A TERRA RETRIBUIRÁ...
CANTE...DANCE... QUE A VIDA VAI MELHORAR!



 E as crianças Lara, Nathalie e Amanda recitaram a poesia:
“A Natureza”.






E por último a turma do 1º Período encenou algumas brincadeiras faladas e cantadas do nosso folclore  e também dramatizou a música Festa no Céu

Parlendas:
“Os Dedinhos”
Dedo mindinho
Seu vizinho
Pai de todos
Fura bolo e
Mata piolho.
  
“Macaca Sofia”
Meio dia
Macaca Sofia
Panela no fogo
Barriga vazia.
Trava línguas:
O rato roeu a roupa do rei de Roma.

O que é que Cacá quer? Cacá quer comer Caqui.
Que caqui que Cacá quer? Cacá quer qualquer caqui.

Adivinhas:
O que é, o que é?
Que faz virar a cabeça do moço?
R. É o pescoço

 História cantada:
“Festa no Céu”

Uma história engraçadinha
Ouvi contar uma história
Da tartaruguinha,
da tartaruguinha.

Houve uma festa lá no céu
Mais o céu era distante
E a tartaruguinha viajou

]Na orelha do elefante.

Quando a festa terminou
A bicharada se mandou
            Quem viu a tartaruguinha,
quem viu?
Lá do céu ela caiu.
São Pedro o céu varreu
E da pobrezinha se esqueceu.

Ela disse: “Eu quebrei todo o
meu corpinho está de fora!
Como é que vou fazer pai do céu?
Como vou viver agora?
Pai do céu juntou os caquinhos colou...
Mais bonita ela ficou

Nenhum comentário:

Postar um comentário